Amor-Perfeito

"Eu me deito e durmo; acordo, porque o Senhor me sustenta" – Salmo 3: 5.

Criado-Mudo (O Caminho do Peregrino)

“Os livros são os mais silenciosos e constantes amigos, os mais acessíveis e sábios conselheiros, e os mais pacientes professores” – Charles Elliot.

.

Livro recomendado: “O CAMINHO DO PEREGRINO – Seguindo os passos de Jesus na Terra Santa” – Laurentino Gomes e Osmar Ludovico. Editora Principium, 1.ª Edição – 2015 (199 Páginas).

Um pouco sobre o livro: escrito em duas partes, este livro conta com um breve apanhado (com testemunho pessoal) sobre a história de Jesus e da Terra Santa (Israel), de autoria de Laurentino Gomes (o mesmo autor de “1808”, que narra a fuga da Corte Portuguesa ao Brasil, além de “1889” e “1822”), e em seguida encontramos várias reflexões a respeito de Jesus Cristo, muito bem escritas, coerentes e interessantes, visando o crescimento espiritual e o contato da pessoa com Deus Pai, de autoria de Osmar Ludovico. Os dois autores viajaram juntos para a Terra Santa, com um grupo, e, mais do que um passeio turístico, houve também uma espécie de peregrinação espiritual (como explicado por eles, aliás: Peregrino = “Per agrum”, que significa “através do campo”), visto que havia estudos e leituras da Bíblia Sagrada, além de momentos de contemplação e oração. Inevitavelmente, houve uma aproximação de Laurentino Gomes, jornalista, historiador e autor já consagrado, com vários livros publicados, e Osmar Ludovico, um mentor espiritual cristão, com anos de estrada. Diante da empatia e da amizade nascida entre os dois, o primeiro disse ao segundo que ele deveria escrever um livro a respeito de suas reflexões; no que o segundo retrucou ao primeiro: “Por que não escrevemos juntos?”, e disso, nasceu esta belíssima obra.  

Parte interessante desse livro é a conversão de um homem culto como Laurentino Gomes, que narra uma passagem sua, como entrevistado, no antigo programa (Provocações – TV Cultura) do falecido ator e diretor Antônio Abujamra (RIP, abril/2015), que lhe havia peguntado sobre o sentido da vida. Laurentino lhe deu uma resposta vaga na época, não aceita por Abujamra, que insistiu na pergunta com seu “vozeirão característico e o estilo provocador” (SIC), mas ficou nisso. E Laurentino diz na sua narrativa que gostaria de ter respondido essa pergunta assim: “Hoje, se eu tivesse que lhe responder a pergunta que ficou pairando no ar naquela ocasião, diria que o sentido na vida está em reconhecer, contemplar e adorar o Criador de todas as coisas visíveis e invisíveis, a fonte da qual tudo emana, confessar o nome do Seu Filho Jesus, e segui-Lo todos os dias com confiança, gratidão e alegria. Tentar mudar o mundo e ajudar as pessoas é mera consequência desse compromisso radical, que, ao contrário do que eu julgava na minha entrevista com Abujamra, não comporta meias respostas” (SIC, fls. 32). Para quem gosta de boa leitura cristã, este livro é magistral, um espetáculo, e é impossível lê-lo apenas uma vez, visto a que as reflexões de Osmar Ludovico são profundas, tocantes e belas. Um autêntico livro de cabeceira (ou de Criado-Mudo). Não deixem, pois, de jeito nenhum, de incluir a leitura deste livro na pauta literária de suas vidas. Assim seja, em Jesus.

© Amor-Perfeito

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: