Amor-Perfeito

"Eu me deito e durmo; acordo, porque o Senhor me sustenta" – Salmo 3: 5.

Deuteronômio 31: 6.

* 1mVersículo 1aVerdade *

“Esforçai-vos e animai-vos. Não temais, nem vos espanteis diante deles, pois o Senhor teu Deus, que vai contigo, não te deixará, nem te desamparará” – Dt. 31: 6.

A Terra Prometida estava diante de Israel, finalmente. Porém, havia um “pequeno” problema: a terra estava habitada, ocupada, por outras nações. Deus havia prometido aquela terra ao Povo de Israel, é verdade, e pela liderança de Moisés (orientado por Deus) os Hebreus haviam se livrado do jugo de escravidão do Egito. Pela incredulidade dos Judeus, no entanto, o deserto os serviu de lar por mais tempo do que seria necessário, e mesmo querido. Foi uma punição de Deus, um duro castigo, os quarenta anos passados no ermo. Contudo, houve sustento e cuidado de Deus o tempo todo. E Moisés, em sua despedida (pois que havia de morrer em breve), os admoestou com o verso acima transcrito. E disso extraímos uma preciosa parábola para nós, nos tempos atuais, visto que a Terra Prometida de lá foi, de fato, conquistada.

Havia uma promessa e um obstáculo (vários obstáculos). Aos Hebreus foi prometida por Deus aquela terra, mas a terra estava ocupada por outros povos, como dito. A ocupação ou tomada daquela terra pelo Povo de Israel não seria sem luta, esforço, suor e muitos sacrifícios. E assim ocorreu de acordo com a História de Israel. Depois de Jesus, no nosso tempo, Deus Pai nos promete as nossas vidas como prêmio por nossa fidelidade a Ele. Mas as nossas vidas se assemelham à “terra ocupada” do episódio Bíblico acima comentado. Nós necessitamos de tempo e de empenho para nos instalarmos nessa “terra”, para dela tomarmos posse e dela desfrutarmos. Nós a conquistamos não sem luta, esforço, suor e muitos sacrifícios. São muitas as angústias e as aflições de espírito nessa empreitada. Porém, o Senhor está conosco, nos sustenta e cuida de nossos caminhos.  

Uma das piores e mais difíceis “nações” que encontramos nessa “terra” é aquela que se constitui das nossas próprias vontades, anseios e vícios. Essas serão, sempre, as mais complicadas “guerras” e “batalhas” que haveremos de travar. Logo, na caminhada em direção à conquista da “terra” que nos foi prometida pelo Senhor, nós somos, muitas vezes, os nossos piores inimigos. E além de nós mesmos, os entraves que outras pessoas nos causam são incontáveis. Mas o Senhor, por Moisés, nos incita ao esforço e ao ânimo, e nos diz para afastar o espanto e o medo dessas coisas todas, visto que Ele vai conosco sempre, e jamais nos deixa ou desampara. Esta é outra promessa: Ele nunca nos deixará ou nos desamparará. Uma promessa leva a outra promessa, e forma um conjunto de promessas, todo nosso.

E na conquista de nossas próprias vidas, “terra árida, selvagem e inóspita”, na companhia do Senhor nós podemos “estender” o entendimento do discurso de Moisés para praticamente qualquer coisa que eventualmente venhamos a nos defrontar ou ter de lidar. A vida é naturalmente difícil e cheia de percalços. E há, ainda, as pessoas… Porém, não importa o tamanho do problema, da condição contrária ou da confusão em que nós estejamos metidos, ora, a misericórdia e a graça de Deus nos segue e nos alcança de forma perfeita. Deus é perfeito! Tenhamos em mente isso: o Senhor vela e zela por nós o tempo todo, sem descanso, sem cessar. Nós somos alvos do Seu constante amor. Outra frase de Moisés, e em particular, tome-a por sua: O Senhor é quem vai adiante de ti; ele será contigo, não te deixará, nem te desamparará. Não temas; não te espantesDeuteronômio 31: 8. (Isaías 40: 28 – 2.ª Parte, a 31). Força aí!

© Amor-Perfeito

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: