Amor-Perfeito

"Eu me deito e durmo; acordo, porque o Senhor me sustenta" – Salmo 3: 5.

Provérbios 24: 11.

* 1mVersículo 1aVerdade *

“Livra os que estão destinados à morte, e salva os que cambaleiam para a matança” – Pv. 24: 11.

Em sentido amplo, a Bíblia Sagrada nos mostra que o único modo de nos achegarmos a Deus Pai se faz por Jesus Cristo (João 14: 6). Para quem crê que as Sagradas Escrituras formam e compõem a Palavra Viva de Deus, trata-se de uma verdade absoluta. Jesus salva, e só Ele. Na verdade, não há outra interpretação possível sobre essa matéria, que não seja essa, mormente se nos fixarmos na literalidade da Lei. Particularmente, eu creio nisso, mas também confio que o Senhor é misericordioso e justo, bem como acredito que existem coisas e situações que a mente humana não entende nem alcança. E há os mistérios de Deus, também, que devem ser considerados.

O verso acima, um Provérbio de Salomão, parece impelir todos os cristãos a pregar o Evangelho às pessoas que não conhecem o Senhor Jesus, salvando-as da morte certa. “Morte”, na Bíblia, além de “morte física”, significa também “separação de Deus”. Fala o verso, pois, de pessoas que “cambaleiam” para a “matança”, no sentido de estarem sem rumo nem possuírem objetivos na vida. Estão vivas, mas “mortas em si mesmas”, de alguma forma, visto que estão separadas de Deus. E se vier a ocorrer a morte física, a coisa complica bastante, porque o momento de optar por ser uma pessoa de Deus, por Jesus, se dá durante a vida. Daí, pois, sem tal opção, bem, então, é a Eternidade sem Deus.

O ser humano é livre para decidir sobre isso. Pelo menos, é o que parece, e que cada um faça o seu próprio juízo (reflita!). Porém, a “morte em vida” parece ser algo muito ruim. E é o que nós temos assistido, cotidianamente, por todo o Mundo: falta de segurança, roubalheiras, maldades por toda parte, crueldades, ódios por religião, etnia e classe social, ódios e mais ódios, guerras, conflitos, fanatismos, imoralidades, canalhices, egoísmos, desrespeitos variados, tráfico e uso desenfreado de todo tipo de drogas, assassinatos, violações, orgulhos, soberbas, arrogâncias, dentre outras inúmeras barbaridades e estados, e até a degradação da família. Logo a família, tão valorizada e querida pelo Senhor. Aliás, nem as autoridades escapam: essas não são mais respeitadas como antigamente, e justamente porque não têm moral alguma, tampouco (geralmente) são bons exemplos de conduta. Ora, vivemos em meio a uma grave crise ética e moral: a Humanidade ruma em queda livre, sem obstáculos, ao seu declínio certo. Há perdas inestimáveis de valores e de virtudes. Interessam às pessoas os próprios interesses próprios, e nada mais (danem-se os demais!). Haverá duras consequências nessa vereda (sem volta, para muitos…).

A Humanidade, pois, “vai a pique”, derrocada total, e não há quem tire isso de minha íntima convicção. Contudo, o ser humano, cada qual por conta própria, pode (e deve) fazer algo de bom para si e para os outros ao seu redor, eventualmente. O ser humano que crê em Jesus Cristo, e que por conta disso anda seguro, pode fazer com que outros venham a Nele crer. E não é o ato de crer, em si, que muda alguma coisa, mas a convivência do novo crente em Jesus, com Jesus, e sua aproximação com Deus, que fazem toda a diferença. Isso leva qualquer pessoa a refletir sobre a vida, sobre o pós-vida, e sobre os valores que tem adotado e praticado por aí. Faz a pessoa investir em virtudes e dar mais atenção à ética e à moral. Ser íntegro não é ser perfeito, isento de erros, mas observar e dar importância à integridade. Enfim, muda, inevitavelmente, seu modo de ser, de agir e de pensar. O amor de Deus faz isso tudo. Uma pessoa nestas condições passa a ter vida em si mesma, e de “ente cambaleante” passa a caminhar firme com Jesus, livre da “morte em vida” e da “matança”. Logo, quem conhece e tem, compartilhe e reparta; quem não tem, ora, achegue-se e pegue sua parte, boa porção: há pães e peixes para todos, e sempre sobra!

© Amor-Perfeito

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: