Amor-Perfeito

"Eu me deito e durmo; acordo, porque o Senhor me sustenta" – Salmo 3: 5.

Romanos 10: 11.

* 1mVersículo 1aVerdade *

“Como diz a Escritura: Todo aquele que nele crer não será confundido” – Rm. 10: 11.

Se a Escritura é Obra do Senhor (e é), e se é na Escritura (Bíblia Sagrada) que encontramos essa afirmação (e é), bem, não há como duvidar disso (não é?). Logo, todo aquele que vier a crer em Deus, por Jesus, não será confundido. É o que nos diz a Escritura. Portanto, não nos importa se o verso nos traz uma promessa, uma afirmação, ou meramente algo para ser crido, por fé. O que importa a nós todos, de fato, é saber que se em Deus Pai crermos, e isso for fruto da intermediação de Jesus Cristo, quem nos confortará será o próprio Espírito Santo, e em nós.

Esse conforto do Espírito Santo em nossos corações é o que nos traz a paz, e nos tira todas as dúvidas. O incrível de se entregar ao Evangelho de Jesus é a situação de que o próprio Evangelho faz em nós prova de sua veracidade. Sentimos em nós mesmos o “calor” do Reino de Deus, a inclusão no Povo de Deus, a transformação de cidadãos de “qualquer lugar” ao “rótulo” de peregrinos em terra estranha, rumo à Terra Prometida. Isso tudo é fantástico, porque “eu” continuo sendo “eu”, mas o “velho” se reveste do “novo”, e “eu” não pertenço mais a “mim”, nem “ando” mais sozinho, porque passo a ser propriedade Dele, e Ele está sempre comigo. 

Eu reconheço que essa última frase ficou “meio maluca”. Mas é isso mesmo o que acontece com quem resolve crer e confiar em Deus (de coração, de verdade, por Jesus). A frase “meio maluca”, acima, pode até confundir alguém, inadvertidamente, que esteja lendo este texto. Mas não confunde quem crê em Deus Pai, porque quem crê no Senhor, por Jesus, sabe que “o velho se faz novo”, e que o ato de entrega de si mesmo a Deus anula o “velho homem”, em Jesus. Um “novo homem” ressurge, especialmente pelo Batismo nas Águas (Marcos 16: 16), e esse novo ser que desponta, salvo, está sempre na companhia do Emanuel (Deus conosco, Jesus), jamais está só.

Os crentes em Deus Pai, que creem Nele por intermédio de Jesus, portanto, não se confundem nunca. Eles sabem que “… a loucura de Deus é mais sábia que os homens, e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens” (1 Coríntios 1: 25). Do que todos os homens, de todas as gerações, juntos (frise-se bem). Esses crentes sabem que “… a palavra da cruz é loucura para os que perecem, mas para nós, que somos salvos, é o poder de Deus” (1 Coríntios 1: 18). Eles sabem, também, que na Bíblia Sagrada está escrito: “Ninguém se engane a si mesmo. Se alguém dentre vós se tem por sábio neste mundo, faça-se louco para se tornar sábio. Pois a sabedoria deste mundo é loucura para Deus. Como está escrito: Ele apanha os sábios na sua própria astúcia” (1 Coríntios 3: 18 e 19). E ser sábio é crer e confiar no Todo-Poderoso Deus, Criador de todas as coisas, do modo que Ele escolheu (João 3: 16 a 19; João 14: 6). Preferível é, pois, ser “louco” nas mãos de Deus e aos olhos do Mundo, do que “sábio” aos olhos do Mundo e apartado de Deus. O primeiro não se confunde e está seguro, enquanto que o segundo está perdido em si mesmo, confuso, sozinho, sem esperança (ainda que não saiba disso…) e sem ter quem o ajude no “caos” de sua vida (toda e qualquer vida é um ‘caos’, e só o Senhor contorna essa situação…).

© Amor-Perfeito

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: