Amor-Perfeito

"Eu me deito e durmo; acordo, porque o Senhor me sustenta" – Salmo 3: 5.

Mateus 26: 35.

* 1mVersículo 1aVerdade *

“Disse-lhe Pedro: Ainda que me seja necessário morrer contigo, de modo nenhum te negarei. E todos os discípulos disseram o mesmo” – Mt. 26: 35.

Pedro foi um dos discípulos de Jesus que mais se destacou. A Bíblia Sagrada nos fornece informações de que Pedro era impetuoso e tinha uma personalidade forte. Foi ele, Pedro, quem andou por sobre as águas, com Jesus (Mateus 14: 1 a 33). Foi ele quem cortou com uma espada a orelha de Malco, servo do Sumo-Sacerdote (João 18: 10), quando foram prender Jesus no Getsêmani. Foi ele quem primeiro declarou e confessou que Jesus era o Cristo de Deus, e acabou advertido pelo Mestre, por tê-Lo repreendido (Mateus 17: 13 a 23). Naquele tempo, pois, ninguém diria que ele, Pedro, viria a negar o Senhor Jesus.

Porém, mesmo tendo dito que preferia morrer com Ele, Pedro terminou por negar a Jesus três vezes, e o galo cantou, logo depois disso, como previra o Mestre (Mateus 26: 34). Este foi o sinal de que a previsão de Jesus era correta: o galo cantar logo em seguida à terceira negação de Pedro, ou seja, ao negar que era discípulo (e seguidor) Dele (Mateus 26: 69 a 75). Pedro chegou a dizer com todas as letras que não conhecia a Jesus (Mateus 26: 72 e 74). E foi justamente isso o que aconteceu: Pedro escandalizado por conta de Jesus, como fora por Ele predito (Mateus 26: 31 e 32). Claro que Pedro se arrependeu depois, e chorou amargamente por conta de seus atos, de sua atitude naquele fatídico momento, talvez, por causa da sua suposta covardia e falta de palavra. Pedro amava o Mestre, mas, Pedro era um ser humano comum, como todos nós, sujeito a fraquezas, a deslizes, a erros.  

Creio que não é certo dizer que Pedro agiu com covardia e faltou com sua palavra. Aliás, Pedro demonstrou sua coragem e empenho de palavra, pelo tempo todo até sua morte, depois de completada a Paixão de Cristo. Dizem que Pedro morreu crucificado em Roma (*), de cabeça para baixo (pedido feito por ele porque se sentia indigno de morrer como Jesus havia morrido), numa colina em que hoje está o Vaticano e a Basílica de São Pedro. Ele foi figura importante na História da pregação do Evangelho, protagonista de vários atos em favor do Reino de Deus, e testemunha firme e íntegra do Senhor Jesus perante os homens. Lembremos de que ele (com outros Apóstolos) desafiou o Sinédrio, dizendo que era melhor obedecer a Deus do que aos homens (Atos 5: 29 a 33). Não há contradição alguma, pois, na negação de Pedro: ele foi, simplesmente, humano.

O temor que assolou a Pedro naquele momento, ou a sua crise de confiança, ou sua fraqueza (que o levou a pensar no que poderia perder, caso declarasse ser discípulo de Jesus), seu erro, ou tudo isso junto e misturado, não é diferente daquilo que, vez por outra, todos nós sentimos e fazemos. Nós todos temos crises de confiança; nós todos temos medos e receios, algumas vezes, de abertamente nos declararmos servos de Deus; nós todos somos humanos, e sujeitos a fraquezas, deslizes e erros. Importante mesmo é o estado de espírito dos nossos corações para com Deus Pai e Deus Filho, visto que Deus Espírito Santo sempre nos perscruta. Pedro certamente tinha coração reto. É isso o que temos de ter: corações retos em Cristo Jesus. Deus não leva em conta as nossas ações, mas, sim, as nossas intenções. Nossa parte nessa vida é sermos autênticos, especialmente com o Senhor, pois não há quem possa enganá-Lo, e Ele bem sabe que somos suscetíveis aos tropeços e quedas. Contudo, o Senhor nos ama, muito, e se porventura cairmos, Ele vem ao nosso encontro, nos socorre, e nos levanta. Tal como foi com Pedro.     

© Amor-Perfeito

(*) PS.: vide https://1v1v.wordpress.com/2010/04/20/frases-etc-cela-de-paulo/

2 Comentários

  1. Republicou isso em Borboletanoespelhoe comentado:
    SOMOS TODOS HUMANOS!

  2. Republicou isso em Borboletanoespelhoe comentado:
    SOMOS TODOS HUMANOS!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: