Amor-Perfeito

"Eu me deito e durmo; acordo, porque o Senhor me sustenta" – Salmo 3: 5.

Hebreus 10: 36.

* 1mVersículo 1aVerdade *

“Necessitais de perseverança, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa” – Hb. 10: 36.

É sempre bom receber um bom conselho. E não há concentração mais abundante de bons conselhos do que na Bíblia Sagrada. Dizem por aí que conselho bom nunca é de graça. Bem, pela Bíblia, além de ser de graça, vem ele, ainda, pela Graça. Graça de Deus. E o conselho do verso nos diz para termos perseverança nas coisas de Deus, afim de que alcancemos a promessa. Complementando, em auxílio ao entendimento da mensagem: é preciso também ser paciente para alcançar a perseverança, visto que paciência a sustenta, ou, talvez, um pouco melhor, ela nos sustenta no ato de sermos perseverantes.

Ora, ter perseverança é o mesmo que fixar-se num alvo ou objetivo, e não arredar o pé até obtê-lo ou alcançá-lo. Ser perseverante é ter firmeza de caráter, é ser constante em determinada empreitada. Conservar-se firme em certo ideal. Ir até o fim na mesma intensidade, sem esmorecer. É insistir, mesmo diante de situações que nos façam ter vontade de desistir. Ter perseverança é permanecer sem sombra de variação ou mudança. Tem perseverança, em síntese, aquele que tem fé, pequena que seja. Essas definições todas estão voltadas à junção da palavra com a pessoa que segue ao Senhor Jesus, pois se assim for, essa pessoa terá muito êxitos a comemorar, sendo certo que seguir a Jesus significa fazer a vontade de Deus.

Então, partindo do princípio de que devemos fazer a vontade de Deus, há pelo menos duas leituras possíveis do verso acima transcrito. A primeira, logo de cara, seria a mais extrema, e a promessa seria, portanto, a vida eterna com o Senhor (a vitória máxima e o ápice da vida de qualquer cristão). Contudo, essa perspectiva, apesar de correta, se resume ao pós-vida, sem maiores detalhes da vida em si. A partir disso, pois, passamos a investigar a segunda leitura possível, que seria, pois, alcançarmos as promessas (bênçãos de Deus), no plural mesmo, durante a vida, ao avançarmos por ela e nos defrontarmos com todas as vicissitudes da própria vida, enfrentando-as com coragem e determinação, e confiando em Deus Pai, sempre. Isso tudo ainda que a nossa fé tenha o tamanho de um grão de mostarda (Deus faz o resto). E se como sinônimo de perseverança pode-se ter a teimosia, então, há quem diga que ser teimoso é ruim? Como bem disse um pastor, certa vez, não sem humor (mas com seriedade e verdade): “fé em Deus e pé na tábua”, ora, que nada nem ninguém nos vençam.

Há que se ter perseverança no Caminho de Deus, e não pouca. Sem perseverança, certamente ficaremos pelo caminho. Quantos e quantos, conhecidos nossos ou não, se escandalizam e desistem de andar com Deus logo nas primeiras dificuldades? Não sejamos nós assim. Não. Sejamos nós, pois, em espírito e em verdade, perseverantes, pacientes, insistentes, constantes, firmes, fortes, íntegros, focados, teimosos, idealistas, chatos até, se preciso for, em relação às coisas de Deus Pai. Mas de modo algum, nunca e jamais, saiamos de diante da presença de Deus Pai. Nem tanto pelas Suas promessas, pois que estas são um plus em nossas vidas, o principal mesmo é estar com o Senhor, diante Dele, aos Seus pés, clamando e bendizendo o Seu Santo Nome, continuamente. O Senhor Deus é a nossa Herança, o nosso Bem Mais Precioso, o nosso Galardão. O que disso restar, e muito há de nos sobrar, lucro nosso será…

© Amor-Perfeito

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: