Amor-Perfeito

"Eu me deito e durmo; acordo, porque o Senhor me sustenta" – Salmo 3: 5.

Provérbios 29: 13.

* 1mVersículo 1aVerdade *

“O pobre e o opressor têm isto em comum: O Senhor alumia os olhos de ambos” – Pv. 29: 13.

Uma das maiores verdades de nossa existência é a que nos diz que deste Mundo nada levaremos. É, basicamente, o que diz , em parte do verso 21 (Capítulo 1) do Livro Bíblico de mesmo nome: “Nu saí do ventre de minha mãe, e nu tornarei para lá”. A vida parece ser apenas uma passagem, um breve interstício de tempo, trabalhoso e árduo, no qual os homens são experimentados. E diante da Eternidade, a vida passa apressada, célere, alheia a tudo e a todos: “O homem é semelhante a um sopro; os seus dias são como a sombra que passa” – Salmo 144: 4 (vide também Salmo 39: 5 e 11). “O tempo não para, não para não…” – complementaria Cazuza cantando (se vivo estivesse).

E há pouco tempo atrás eu tive contato com um belíssimo livro de um rabino brasileiro (“Tirando os Sapatos”), cuja recomendação e modesta crítica podem ser vistas no Amor-Perfeito (vejam o ‘Post’ de 13/09/2013 – no Criado-Mudo), do qual extraí a seguinte frase: “No final de uma vida, o que mais valerá será olhar para o caminho trilhado e perceber quantas pegadas reais de nosso pé existem encravadas na areia” – Nilton Bonder. Em outras palavras: fizemos alguma diferença nessa vida? Valeu a pena? Vivemos bem e fomos pessoas íntegras? Quantos ajudamos e o quanto fomos nós piedosos? Fomos justos e honestos? Lesamos alguém? Faríamos tudo de novo? Arrependimentos, porventura? Vergonhas? Como será que Deus nos vê, e nossos atos e condutas, tendo em vista o caminho percorrido?

Por tudo isso que o verso acima transcrito é uma advertência clara de Deus para os homens, de como devem se conduzir pela vida. Diz o Senhor, trocando em miúdos, que todas as pessoas vivas, sem exceção alguma, têm isso em comum: Deus Pai, único Criador, alumia os olhos de todos, e todos são o que são, e vivem, e existem, por causa única e exclusiva Dele. Ou seja, o homem não se sustenta sozinho, e o sopro de vida que nele há, vem de Deus, não dele, ou, como dito, de qualquer outra “fonte”. O homem sozinho (sem Deus Pai) é nada, “menos que nada”, se possível fosse afirmar essa contradição (no entanto, apenas como ênfase, serve). Aliás, o próprio Senhor Jesus disse, certa vez, que sem Ele nada podemos fazer (João 15: 5).

O “pobre” e o “opressor”, portanto, foram utilizados como exemplos, mas o verso é dirigido a todas as pessoas em todas as situações concretas e reais. Todos têm em comum a origem em Deus Pai, querendo ou não. Por isso, todo aquele que escolher fazer o mal, deliberadamente, é inescusável. Seus atos e condutas lhe trarão consequências sérias e nada agradáveis, nesta vida e no Juízo, certamente. Por isso, melhor nos é escolher fazer o bem, observar os conselhos do Senhor, que encontramos na Bíblia Sagrada, não almejando estar entre os “grandes” deste Mundo, visto que não há honra nem glória naquilo que é transitório e efêmero. Ademais, geralmente aquilo que é perseguido pelos homens sem Deus, isto é, riquezas, fama, prazeres, poder etc. (ilusões…), comumente é obtido por conta de alguma violência, injustiça e/ou fraude. Sempre tem alguém no prejuízo, por conta dessas coisas: lesado, oprimido, maltratado, judiado. Vivemos, de fato, num sistema mundano nefasto, hostil aos filhos de Deus, mas dele apenas nos utilizamos para sobreviver, íntegros, e honrar nosso Pai, que muito nos ama e merece todo o nosso louvor e gratidão. Optemos, pois, pela humildade e dependência explícita e verdadeira de Deus (de nossa parte), e tudo irá bem conosco. Bons conselhos, e exemplos preciosos de condutas a respeito dessa matéria tão importante e vital, nós encontramos em Romanos 12: 9 a 21 (não deixem de ler!). No mais, quanto à vida, ora a vida: “fé em Deus é pé na tábua”.

© Amor-Perfeito

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: